Novos painéis

índice3

No dia 31 de outubro de 2020 foi realizado mais um mutirão voluntário, que envolveu a diretoria da Casa da Cultura, na colagem de painéis dos muros externos da sede da Sociedade Polono-Brasileira Tadeusz Kościuszko em Curitiba, onde também funciona a sede da Casa da Cultura Polônia Brasil desde a fundação em 2012.

A exposição, a céu aberto, “Polonidade no Brasil: 130 anos da Sociedade Polono-Brasileira Tadeusz Kościuszko” traz como tema a comemoração dos 130 anos da Sociedade Polono-Brasileira Tadeusz Kosciuszko, a sociedade mais antiga que representa a etnia polonesa na América Latina. Fundada aos 15 dias do mês de junho de 1890, pelos poloneses Adam Stachowski, Ignacy Waberski, Sebastião Edmundo Wos Saporski, Padre Andrzej Dziadkowicz e Karol Szulc, inspirados pelo herói polonês Tadeusz Kosciuszko, tem muito história para contar ao longo de seus 130 anos de existência, completados em junho de 2020. A instituição, do mesmo modo que outras instituições étnicas de Curitiba, serviu a diferentes objetivos ao longo de usa história, na medida em que as demandas sócio-culturais e educacionais se instalavam em meio à comunidade.

Essa é a terceira exposição de painéis do mural a céu aberto “Mur: Galeria Polsko-Brazylijska” (Muro: Galeria Polono-Brasileira), espaço que tem como objetivo a integração das expressões culturais polono-brasileiras na cidade de Curitiba e no Brasil.

Conforme afirma Schirlei Freder, curadora da exposição, “Mais do que retratar em imagens os fatos históricos, a intenção com esta exposição é demonstrar que, mesmo com as mudanças culturais e sociais, as instituições étnicas possuem seu nível de importância, dado pelos atores ou líderes sociais em cada momento histórico. É o que vemos acontecer nesta sociedade que, em parceira com a Casa da Cultura Polônia Brasil, desde 2012 vem realizando importantes ações culturais para a manutenção do patrimônio cultural (material e imaterial) polonês e polono-brasileiro, tanto no ensino do idioma quanto na difusão das diferentes expressões de arte”.

“A Casa da Cultura se sente honrada por fazer parte da historia recente da Sociedade Polono-Brasileira Tadeusz Kosciuszko. Esta exposição retrata a dedicação e preocupação que os imigrantes tiveram em deixar um legado para a sua comunidade”, afirma João Carlos Cwiklinski, Presidente da Casa da Cultura Polônia Brasil.

O endereço para visitação é Rua Ébano Pereira, 502 esquina com a Rua Kellers, no Centro Histórico de Curitiba. Sugere-se a visita em período diurno, pois o mural não possui iluminação. A exposição é aberta ao público e pode ser realizada de segunda a domingo e possui apoio do Consulado Geral da República da Polônia em Curitiba e da Casa da Cultura Polônia Brasil.

Diretoria da Casa da Cultura Polônia Brasil
Gestão 2020-2024

índice1 índice4